As 10 maiores contratações da Premier League na temporada 2022/23

O montante pago pelas 10 maiores contratações da janela inglesa ultrapassa a marca dos 500 milhões de euros

O mercado no futebol inglês segue seu característico roteiro de cifras estrondosas. Não é novidade que a Premier League é a maior liga nacional do mundo. Seus clubes vêm assumindo cada vez mais postos de relevância continental, fato o qual pode ser verificado nas últimas 4 finais de Champions League, em que 5 dos 8 finalistas foram ingleses.

Também não é segredo que tal sucesso é acompanhado por cifras bilionárias de arrecadação por parte da liga (9,3 bilhões de libras em 2019/20), as quais permitem que cada vez mais os clubes ingleses possam fazer melhores e mais caras contratações. A janela de verão europeia 2022/23 só é mais uma demonstração da tamanha força da Premier League.

Mais de 1 bilhão de euros foram gastos por clubes da Inglaterra em contratações na janela, sendo metade dessa quantia (500 milhões de euros) somente 10 reforços.

Deste modo, foram separados os valores e os números da última temporada de cada jogador pertencente à lista dos 10 maiores contratados, segundo o site Transfermarkt, além de um breve resumo sobre cada um desses atletas.

As 10 maiores contrações do Campeonato Inglês 2022/23

10º – Fabio Vieira (Arsenal)

O meia português Fabio Vieira chegou pela quantia de 35 milhões de euros no Arsenal. O jogador de apenas 22 anos chega no clube londrino após 3 anos atuando como profissional no time do Porto. Sua passagem pelos dragões foi vitoriosa, ganhando a Taça de Portugal na temporada 2021/22 e a Liga Portuguesa nas temporadas 2019/20 e 2021/22.

Mas o jovem português não obteve apenas êxito coletivo, suas boas aparições pelo Porto na última temporada e sua eleição como melhor jogador europeu do último ano corroboraram para os Gunners o contratarem como parte de um pacote de reforços que tem como objetivo fazer com que o Arsenal brigue por títulos relevantes novamente.

Números na temporada (2021/22):
Jogos: 39
Gols: 7
Assistências: 16

9º – Sven Botman (Newcastle)

Após a compra do Newcastle pelo príncipe saudita Mohammad Bin Salman no meio da temporada 2021/22 e junto a isso a aquisição de alguns reforços para o restante do campeonato o principal objetivo do Newcastle era se manter na primeira divisão, para que assim nas temporadas seguintes o time pudesse ir cada vez mais adicionando novas peças em seu elenco para que enfim se tornasse a potência a qual deseja ser.

A permanência foi assegurada e a contratação do zagueiro holandês Sven Botman por 37 milhões de euros junto ao Lille mostra a ambição já mencionada dos Magpies. O jogador de 22 anos vem de duas temporadas sólidas na França, em que conquistou o campeonato nacional uma vez e se consagrou como um dos melhores defensores da Ligue 1.

Números na temporada (2021/22):
Jogos: 32
Gols: 3
Assistências: 1

8º – Kalidou Koulibaly (Chelsea)

Após o Chelsea perder na mesma janela em Rudiger seu principal zagueiro e em Cristensen um defensor confiável, ambos de graça, os blues precisaram se movimentar no mercado em busca de um novo defensor, e a solução achada pelo time londrino foi Kalidou Koulibaly.

O Senegalês de 31 anos jogou por 8 temporadas no Napoli, clube onde se consagrou como um dos principais zagueiros da Liga Italiana e como um dos, se não o principal expoente do time de Nápoles nos últimos anos. Após diversas janelas em que Koulibaly foi especulado nos mais diversos times e nunca vendido, muito por conta do preço pedido pelo time italiano, o senegalês deu adeus à torcida napolitana pelo valor consideravelmente “baixo” de 38 milhões de euros.

O valor se explica pelo fato de que com o início dessa nova temporada Kalidou estava entrando em seu último ano de contrato, deste modo foi a última chance do time italiano de fazer um dinheiro considerável com a venda do zagueiro.

Números na temporada (2021/22):
Jogos: 34
Gols: 3
Assistências:  3

7º – Kalvin Phillips (Manchester City)

Após oito anos atuando pelo time do Leeds United, o inglês Kalvin Phillips deu adeus ao seu clube formador rumo ao lado azul de Manchester por 48,75 milhões de euros. O volante de 26 anos foi contratado pelo Manchester City com o intuito de dar mais profundidade ao elenco de Guardiola, pois ao longo dos últimos anos a briga por todas competições se mostrou como recorrente para os Citizens, e apesar de ter rendido muitas alegrias a sua torcida também custou caro, pois com um elenco curto e um calendário apertado não é difícil que se chegue em um ponto em que os jogadores se mostrem fatigados pelo ritmo intenso da temporada.

Assim, apesar de Kalvin ter se lesionado e ter perdido boa parte da última temporada, suas atuações nos anos anteriores e sua recuperação da lesão indicam que o novo camisa 4 do City tem tudo para ajudar o time de Pep Guardiola a realizar uma boa temporada.

Números na temporada (2021/22):
Jogos: 23
Gols: 1
Assistências: 1 

6º – Gabriel Jesus (Arsenal)

Após cerca de cinco temporadas na sombra do ídolo Citizen Kün Aguero tudo indicava que a temporada 2021/22 seria a temporada de consagração como titular do atacante Gabriel Jesus no time de Manchester City. Contudo não foi assim que a história se desenrolou, ao invés do esperado o técnico Pep Guardiola utilizou em boa parte dos jogos da temporada escalações as quais não usavam um “camisa 9” tradicional, o que fez com que o atacante brasileiro não conseguisse os minutos que eram por ele esperados.

Buscando por mais protagonismo, o atacante de 25 anos saiu de Manchester e foi para Londres, mais especificamente para o Arsenal, que desembolsou 50 milhões de euros para contar com os serviços do centroavante. Apesar dos poucos minutos, Jesus obteve uma boa média de participação em gols não só na na última temporada, mas sim em todas as quais defendeu o City, isso junto a sua dedicação tática e sua passagem extremamente vitoriosa por Manchester foram os fatores que necessários para que os Gunners acreditarem que Gabriel é o jogador certo para comandar seu ataque e os levar novamente à briga por grandes títulos.

Números na temporada (2021/22):
Jogos: 41
Gols: 13
Assistências: 12

5º – Raheem Sterling (Chelsea)

Apesar de todas as críticas feitas a seu futebol, o fato é que sob as mãos de Guardiola Raheem Sterling foi extremamente vitorioso e decisivo em sua passagem pelo Manchester City. O jogador foi peça fundamental para a recente dominância dos Citizens na Premier League. Seus constantes números durante as temporadas e sua entrega em campo foram de suma importância para a conquista de quatro dos últimos cinco campeonatos ingleses.

A vontade de procurar um novo clube por parte do ponta inglês, com o intuito de angariar um maior protagonismo, e a procura por parte do Chelsea de um novo atacante para substituir a saída de Romelu Lukaku formaram um casamento perfeito, o qual culminou no pagamento de 56,20 milhoẽs de euros ao Manchester City pelo passe se Sterling. O inglês, o qual conta com 27 anos, foi a primeira contratação desde que os Blues foram adquiridos por um consórcio americano e faz parte do plano do clube londrino de acabar com a dominância nacional de Liverpool e Manchester City.

Números na temporada (2021/22):
Jogos : 47
Gols : 17
Assistências : 9

4º – Lisandro Martínez (Manchester United)

A má fase do Manchester United não é surpresa para ninguém. Apesar de dois vices Campeonatos Ingleses e a conquista de uma Europa League desde a saída de Alex Ferguson é nítido que os Red Devils estão longe de seus maiores dias de glórias comandados pelo técnico escocês. Com o intuito de provocar uma mudança de panorama, o técnico holandês Erick Teen Haag, o qual vem de boas temporadas comandando o time do Ajax, foi contratado.

Com o intuito de implementar sua filosofia de desenvolvimento de jogadores e posse de bola Erick tem pedido e contratado diversos jogadores para seu plantel, sendo o mais caro deles Lisandro Martínez. O volante argentino de 24 anos foi um pedido especial do novo comandante pois foi Teen Haag que lançou e consolidou Lisandro como titular do vitorioso time do Ajax nas últimas temporadas. E foi essa confiança no argentino por parte do novo técnico que fez com que o Manchester United desembolsasse cerca de 57,40 milhões de euros pelo seu passe.

Números na temporada (2021/22):
Jogos: 36
Gols: 1
Assistências: 4

3º – Richarlison (Tottenham)

Desde sua chegada na Premier League, Richarlison vem ao longo dos anos mostrando seu valor dentro do Campeonato Inglês. Após um ano de destaque no Watford, o atacante brasileiro se transferiu para o Everton e durante suas quatro temporadas nos Toffes foi um dos principais jogadores do time. Porém, foi na última temporada que o jogador ganhou o reconhecimento dos amantes do esporte, pois foram seus gols decisivos nas rodadas finais do campeonato os responsáveis por manter o time do Everton na Primeira Divisão da Inglaterra.

Toda essa aclamação somada a sua regularidade nos últimos anos foram o suficiente para que o time dos Spurs pagassem 58 milhões de euros pelo brasileiro de 25 anos . Richarlison vem para o Tottenham com o intuito de compor o ataque já forte do time, o qual conta com Son Heung Min e Harry Kane. A ideia do time londrino é voltar a brigar por títulos e encerrar seu jejum de troféus, e vê na figura de seu técnico Antonio Conte e na contratação de reforços como Richarlison meios para atingir essa meta.

Números na temporada (2021/22):
Jogos: 30
Gols: 11
Assistências: 5

2º – Erling Haaland (Manchester City)

Desde as grandes performances na fase de grupos da Champions League 2019/20 não existiam dúvidas para o mundo do futebol que Haaland seria especial. E após sua chegada no Borussia Dortmund pode-se dizer que grande parte, senão todas as expectativas sobre o atacante norueguês foram cumpridas.

Logo quando chegou na Alemanha, Haaland encantou o mundo com sua velocidade para romper linhas, seu posicionamento extraordinário e especialmente seu elevadíssimo número de bolas na rede. E apesar de sua passagem por Dortmund ter acontecido sem nenhum título de relevância e sido atrapalhada pelas lesões, a média mantida pelo centroavante de quase um gol por partida em uma idade tão jovial foi o suficiente para que todos os grandes clubes europeus o quisessem.

Em seu contrato existia uma cláusula de liberação por 60 milhões de euros, que seria acionada na janela de verão de 2022/23. Quantidade esse quase que “irrisória” por um talento tão grande que é o Norueguês de apenas 22 anos, deste modo ficou claro que um leilão feito pelos gigantes europeus por sua contratação era só uma questão de tempo. O que de fato aconteceu. O ganhador da disputa por Haaland foi o Manchester City, o qual conseguiu convencer o atacante que se juntar ao time comandado por Pep Guardiola seria a melhor opção.

A grande questão levantada é se o jogador conseguirá se adaptar ao jogo de posição e de troca de passes de Guardiola, estilo o qual não tem como principal característica a transição em velocidade, essa que é a principal valência de Haaland. Contudo o Norueguês já mostrou que é capaz de entregar muito em campo, e não será surpresa se ele continuar com suas avassaladoras médias no time de Manchester.

Números na temporada (2021/22) :
Jogos: 30
Gols: 29
Assistências: 8

1º -Darwin Nunes (Liverpool)

Uma Premier Legaue inédita e uma Champions League, não há dúvidas que o processo de reconstrução do Liverpool iniciado em 2016 com a contratação de Klopp é um sucesso. Contudo, todo ciclo tem seu fim, e nos Reds não foi diferente. A gardual perda de espaço de Roberto Firmino no plantel e a saída de Sadio Mané para o Bayern Munique obrigaram o Liverpool a ir ao mercado e procurar alguém capaz de substituí-los, e esse atacante aparentemente foi encontrado.

Darwin Nunes já era monitorado por times de grande porte desde seus anos no Penarol e Almeria, porém foi jogando no Benfica que o centroavante Uruguaio ganhou projeção mundial. Após uma boa primeira temporada pelas Águias, foi em sua segunda que o mundo do futebol se encantou com Darwin. O jovem atacante de 23 anos foi melhor jogador e artilheiro da Liga Portuguesa, mas foi na Champions que sua consagração veio. Seis gols em dez jogos, sendo um deles o responsável pela classificação do Benfica sobre o Ajax nas oitavas de final e outros dois justamente contra o Liverpool nas quartas de final da competição.

Apesar dos gols sobre os Reds não terem sido o bastante para a classificação de seu time, suas atuações nos jogos de ida e volta somados a sua excelente temporada convenceram o time inglês a pagar 75 milhões de euros ao Benfica pelo uruguaio.

Números na temporada (2021/22):
Jogos: 41
Gols: 34
Assistências: 4

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: