Os 10 elencos mais valiosos da Premier League 2022/23

Entre os dez times mais valiosos, sete ficaram no top-10 da classificação geral da temporada anterior e seis estão entre os dez elencos mais caros do mundo

A primeira divisão inglesa é considerada, ano após ano, a liga mais valiosa do mundo. Segundo apuração do portal Transfermarkt, especializado em transferências, o valor de mercado total dela é de 9,19 bilhões de euros.

Os direitos de transmissão da competição são vendidos por triênios. No triênio válido de 2019 a 2022, a arrecadação foi de 5,57 bilhões de euros. No caso da atual temporada, foram comprados por 6,8 bilhões de euros, válidos até 2025, indo de encontro ao constante crescimento do mercado mundial.

Não à toa, os clubes ingleses são, em média, os mais valiosos do mundo. Dos dez mais caros, seis são da Inglaterra: Manchester City, Liverpool, Chelsea, Tottenham, Manchester United e Arsenal. Abaixo, segue uma lista com os dez elencos mais custosos da Premier League:

10 – Everton

Da cidade de Liverpool, o Everton tem seu elenco avaliado em 380,7 milhões de euros. Seu plantel conta com rostos conhecidos, como Yerry Mina, ex-Palmeiras e Jordan Pickford, que foi um dos destaques ingleses na Copa do Mundo de 2018. No entanto, atualmente seu jogador mais valioso é Dominic Calvert-Lewin, atacante inglês de 25 anos. O centroavante é avaliado em 40 milhões de euros pelo Transfermarkt. Até o início dessa temporada, esse posto era ocupado por Richarlison, atacante brasileiro que virou reforço do Tottenham, que aparecerá mais tarde na listagem, por 50 milhões de euros.

Mesmo estando em décimo em relação ao valor de seu elenco, a equipe dirigida por Frank Lampard terminou a temporada 2021/22 na décima sexta colocação, em recuperação sofrida na reta final do campeonato.

9 – West Ham

Na nona posição, vem o primeiro time de Londres nessa lista: o West Ham. Os “hammers” são avaliados em 394 milhões de euros. Declan Rice, promissor volante inglês de 23 anos, lidera com sobra os valores de mercado do time, uma vez que está avaliado em 80 milhões de euros.

Na temporada anterior, a equipe londrina surpreendeu na Premier League, terminando na sétima colocação, que rendeu uma vaga na UEFA Conference League.

8 – Aston Villa

A equipe de Birmingham abre a oitava posição de forma inédita: o jogador mais valioso do elenco é, na verdade, um dos reforços para essa temporada. Diego Carlos, zagueiro brasileiro de 29 anos, chegou do Sevilla-ESP por 31 milhões de euros. Porém, seu valor de mercado, segundo o Transfermarkt, é de 40 milhões de euros. Quem já fazia parte do time antes da atual temporada e que não fica para trás na disputa é outro brasileiro: Douglas Luiz. O volante de 24 anos é avaliado em 38 milhões de euros. No total, o valor do elenco ultrapassa os 502 milhões de euros.

Na temporada 2021/22, a equipe dirigida por Steven Gerrard terminou na décima quarta colocação.

7 – Leicester

Campeões de forma histórica na temporada 2015/16, o Leicester City chega na sétima posição para a temporada 2022/23 com um elenco avaliado em 511,5 milhões de euros. Desse valor, 60 milhões estão concentrados no volante nigeriano, Wilfred Ndidi, de 25 anos. Ndidi integrou o elenco em 2017.

Na edição anterior da Premier League, a equipe conquistou a oitava posição.

6 – Arsenal

Abrindo o famoso “Big Six” inglês, o elenco do Arsenal dá mais um grande salto entre uma posição e outra em relação aos valores. Recheado de craques, o plantel da equipe londrina é avaliado em 677 milhões de euros. A principal jóia é Bukayo Saka, meia inglês de apenas 20 anos, considerado um dos mais promissores da nova geração inglesa. O camisa 7 tem o valor de mercado de 65 milhões de euros. Na temporada anterior, Saka foi um dos finalistas para o prêmio de Melhor Jogador Jovem da Premier League, mas perdeu para Phil Foden, do Manchester City, que levou pelo segundo ano seguido.

A equipe de Londres terminou em quinto lugar na edição passada.

5 – Manchester United

Abrindo o top-5, considerado por muitos o maior time inglês: Manchester United. Dono de 13 títulos de Premier League, os atuais Red Devils são avaliados em 708,8 milhões de euros. Em relação aos valores de mercado, o principal jogador da equipe é Bruno Fernandes. O meia português de 27 anos tem valor de 85 milhões de euros. O camisa 8 reforçou o United em 2020.

Na temporada 2021/22, uma decepção: conquistou o sexto lugar, ficando de fora da UEFA Champion League.

4 – Tottenham

Curiosamente, do quarto colocado até o primeiro, a lista se dá exatamente igual à classificação da temporada 2021/22 da Premier League. Sendo assim, em quarto lugar na lista vem o Tottenham. Também de Londres, o elenco dos Spurs é avaliado em 749,3 milhões de euros. A principal estrela é Harry Kane, atacante inglês de 29 anos. O camisa 10, que está no clube desde 2011, é avaliado em 90 milhões de euros.

3 – Chelsea

Abrindo o top-3, vem o Chelsea. Os atuais campeões mundiais e ganhadores da edição 2020/21 da UEFA Champions League estão avaliados em 866,7 milhões de euros, no total. Quem ilustra a foto acima é Mason Mount, meia inglês de 23 anos, considerado a jóia dos Blues. Seu valor de mercado de 75 milhões de euros dá suporte ao status de estrela.

2 – Liverpool

Os vice-campeões da Premier League 2021/22 e da Champions League da mesma temporada estão avaliados em 870 milhões de euros. Os Reds têm como principal estrela Mohammed Salah, ponta-direita egípcio de 30 anos. Ele foi um dos 3 finalistas ao prêmio de melhor jogador do mundo da temporada passada. Seu valor atual de mercado é de 90 milhões de euros.

1 – Manchester City

Ser campeão na Premier League e em valor de mercado total não é fácil, mas os Citizens conseguiram. O Manchester City é o time mais valioso do mundo, sendo o único que ultrapassa a marca de 1 bilhão de euros. Fator grande para isso é o maior reforço do clube para essa temporada: Erling Haaland. A sensação norueguesa de apenas 22 anos disputa com Kylian Mbappé o posto de maior promessa do futebol mundial. O atacante é avaliado em 150 milhões de euros, sendo o segundo mais valioso do mundo, atrás apenas do francês, que vale 10 milhões a mais. Além disso, o City conta com o quarto atleta mais caro: Phil Foden. O meia de 22 anos é considerado a maior promessa inglesa, o que serve para justificar seu preço de 90 milhões de euros.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: